Gasolina, diesel e botijão de gás sobem nesta quinta com novo ICMS

O aumento dos impostos ocorre num momento de queda do preço da gasolina no país, reflexo da redução das cotações do etanol anidro
Compartilhe no WhatsApp

 

Os preços da gasolina, do diesel e do botijão de gás irão aumentar a partir festa quinta-feira 1, devido à entrada em vigor das novas alíquotas do ICMS, aprovadas pelos governos estaduais em outubro passado.

 

ICMS sobre a gasolina terá um acréscimo de R$ 0,15, alcançando R$ 1,37 por litro. Com base na pesquisa de preços da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis), o preço médio desse combustível no país saltará de R$ 5,56 para R$ 5,71 por litro. 

 

No caso do diesel, o aumento será de R$ 0,12, elevando o valor para R$ 1,06 por litro, levando o diesel S-10 novamente para acima dos R$ 6 por litro. Este combustível já havia sofrido um aumento no início do ano, com a retomada da cobrança de impostos federais. 

 

Quanto ao gás de cozinha, a alíquota foi ajustada para R$ 1,41 por quilo, representando um aumento de R$ 0,16 em relação ao valor atual. Com isso, o preço médio do botijão de 13 quilos subirá de R$ 100,98 para R$ 103,6, contrariando o objetivo do governo de reduzir esse preço para abaixo dos R$ 100.


È o primeiro aumento do ICMS após a mudança do modelos de cobrança do imposto, que passou a ter alíquotas em reais por litro e não mais em percentual sobre um preço estimado de bomba dos produtos.

 

A intensidade da alta é criticada pelo setor. As distribuidoras de gás de cozinha, por exemplo, alegam que em 18 estados o botijão passa a ter alíquota equivalente a mais de 18% do preço do produto, excedendo o teto legal para a cobrança do imposto sobre produtos essenciais

 

Siga no Google News
1 Comentários

Comentários

  1. Dr. Ramesh Kumar, a renowned Best Piles doctor in Coimbatore offers compassionate care and advanced treatments for hemorrhoids. With expertise and dedication, he ensures effective relief for patients.

    ResponderExcluir