Oposição entrega pedido de abertura para CPI do MEC

 


O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) protocolou pedido de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar irregularidades no Ministério da Educação (MEC).

Para que a comissão seja instalada, é necessária a autorização do presidente do Senado Rodrigo Pacheco. O documento contém 31 assinaturas.

Os três últimos nomes a se somarem ao pedido foram Marcelo Castro, Confúcio Moura e Jarbas Vasconcelos.

Randolfe Rodrigues justifica que a CPI se faz necessária porque a investigação da PF e do MP está "sob forte ameaça".


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem