Em discurso na ONU, Bolsonaro garante vacinação total até novembro

 

ONU/Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro acaba de discursar na 76ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York.Essa é a terceira vez que Bolsonaro discursou como presidente do Brasil - o representante do país é encarregado de abrir oficialmente a fala dos presidentes mundiais desde 1947.

 

Entre outros assuntos, o presidente brasileiro defendeu o tratamento precoce contra a Covid-19 e se disse contrário ao passaporte sanitário da vacina, exigido em estados brasileiros e alguns países do mundo, entre eles nos Estados Unidos, onde Bolsonaro participa do encontro.

 

O presidente brasileiro, no entanto, garantiu que, todos os brasileiros que quiserem, poderão ser vacinados até novembro. Bolsonaro destacou o que chama de “tratamento precoce”, que são remédios sem eficácias contra a Covid.

 

"Não entendemos por que muitos países se posicionaram contra o tratamento inicial”, disse, defendendo mais uma vez o uso de remédios que já foram amplamente descartados pela ciência como tratamento para o novo coronavírus.

 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem