Câmara pode votar privatização dos Correios nos próximos dias

 


Depois da Eletrobras, está na pauta da Câmara o projeto de lei que privatiza os correios. A empresa conta com 358 anos de existência no país e é a única estatal presente na maioria dos municípios brasileiros atendendo a população e pequenas, médias e grandes empresas. O presidente da Câmara, Artur Lira, afirmou nesta quarta feira que os deputados devem discutir o projeto a partir da segunda quinzena de julho à 1ª quinzena de agosto. A intenção do governo é publicar o edital dos Correios neste ano, provavelmente em dezembro, por isso, é importante votar o projeto na Câmara antes do recesso.

 

Isso, apesar de o governo propagandear no ano passado relatório do Conselho de Administração, no qual, a estatal apresentou lucro líquido de mais de 1 bilhão e meio – maior resultado nos últimos dez anos.

 

Em maio, a Câmara dos Deputados aprovou, sob intensos protestos, a tramitação de urgência do projeto de lei, que abre caminho para a privatização dos Correios. Os deputados da bancada do Acre, Perpétua Almeida (PCdoB) e Léo de Brito (PT), que fazem oposição ao governo na Câmara, reagiram à inclusão do texto por Lira na pauta de votação.

 

 

 

Postagem Anterior Próxima Postagem