Iklan

iklan

André Mendonça é o novo indicado por Bolsonaro para o STF

6 de julho de 2021 | 6.7.21 WIB Last Updated 2021-07-06T19:15:06Z



O advogado-geral da União, André Mendonça foi escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar o cago de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), na vaga de Marco Aurélio de Mello, que se aposenta no próximo dia 12 de julho, quando completa 75 anos. O Senado ainda precisa aprovar o nome dele.

Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil, Mendonça seria o ministro “terrivelmente evangélico”, prometido pelo presidente a apoiadores.

André Mendonça tem 48 anos e é servidor de carreira da AGU (Advocacia-Geral da União), desde 2000. Natural de Santos (SP), já foi também assessor especial da CGU (Controladoria-Geral da União).

Formado em Direito pela Faculdade de Direito de Bauru, em 1993, o atual advogado-geral da União fez mestrado na Universidade de Salamanca, na Espanha, sobre Corrupção e Estado de Direito e é doutorando na mesma instituição com o projeto Estado de Direito e Governança Global. Ele também é pós-graduado em Direito Público pela Universidade de Brasília.

Mendonça conheceu Bolsonaro em 21 de novembro de 2018, no mesmo dia em que foi escolhido para comandar a Advocacia-Geral da União. O agora AGU chegou ao gabinete do governo de transição no Centro Cultural Banco do Brasil de Brasília pelas mãos de Jorge Oliveira (Secretaria-Geral da Presidência), que também foi cotado para o cargo de ministro da Justiça.

André Luiz de Almeida Mendonça foi nomeado para comandar o Ministério da Justiça e Segurança Pública, após o pedido de demissão do ex-juiz da Lava Jato Sérgio Moro.

Por Yahoo Notícias

 

 

  

Comente
Deixe o seu comentário
  • André Mendonça é o novo indicado por Bolsonaro para o STF

Tendências