União Brasil, Luciano Bivar e Imposto Único põem fim ao deserto de ideias da terceira via na disputa ao Planalto


Por Ronaldo Nóbrega - quarta, 01 de junho de 2022

Após tentativas frustradas e desistências de Sérgio Moro, João Dória e de outros partidos apresentarem um candidato à Presidência que possa desbancar Bolsonaro e Lula, a formação da 3ª via está se concretizando em torno de Luciano Bivar e do União Brasil.

A fusão do Partido Social Liberal (PSL) e do Democratas (DEM) resultou no União Brasil, o maior partido democrático brasileiro que lançou, ontem (31.maio.2022), seu pré-candidato à Presidência: Luciano Bivar.

Parlamentar pelo estado de Pernambuco, Bivar possui grande trânsito no Congresso Nacional, é um político experiente e já foi candidato à Presidência em 2006 pelo PSL.

Uma das principais bandeiras do União Brasil e de Luciano Bivar é a implementação de um Imposto Único, inclusive Bivar é autor de vários projetos de lei nesse sentido que buscam desburocratizar o Sistema Tributário Brasileiro, um dos mais complexos do mundo.

Na verdade, no ranking de horas anuais despendidas para calcular impostos o Brasil é o último colocado. O relatório do Banco Mundial mostra que o Brasil é o país em que as empresas gastam o maior número de horas no mundo com gestão de tributos. As empresas brasileiras perdem, em média, 1.501 horas por ano cuidando de obrigações tributárias. Esse número é 5 vezes maior que a média de horas dos países sul-americanos.

Em evento, que ocorreu em Brasília, na noite de ontem (31-05), o União Brasil reuniu apoiadores e Bivar afirmou: “temos uma bandeira que acreditamos ser uma alternativa para mudar o Brasil: o imposto único.” 

De fato, o caminho está livre para um candidato experiente, mais ao centro, sem radicalismos e com uma proposta coerente de governo. Luciano Bivar se encaixa perfeitamente nesses quesitos e soube esperar o momento correto para formalizar sua pré-candidatura e aproveitar a enorme rejeição que Bolsonaro e Lula carregam.  

O União Brasil é um partido com um plano de governo bastante coerente, segundo Luciano Bivar: “é hora de os liberais e os democratas saberem como reagir, unir forças como fazemos agora é uma ferramenta inigualável para construir um Brasil melhor e mais justo. Neste dia de hoje, histórico, consolida-se aqui um partido mais forte e coeso, que não será de um, mas de todos que tenham honestidade de propósito”.

 


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem