Com emenda de Vanda Milani município de Rio Branco vai comprar mosqueteiros para combater malária e avanço da dengue

 


A deputada federal Vanda Milani (PROS-AC) defendeu na manhã de hoje, 5, a aquisição de mosqueteiros com inseticida como ação estratégica no combate ao mosquito da malária. O município de Rio Branco homologou através da secretaria municipal de saúde a aquisição de mosqueteiros de cama e rede que serão distribuídos para população como reforço emergencial no enfrentamento prioritário da doença. Os recursos são de emendas da parlamentar.

“É preciso repor a verdade com relação a essa aquisição. O pregão é para compra de até 40 mil cortinados com inseticida de longa duração e não de 300 mil como foi erroneamente informado. O valor de cada cortinado é de R$ 152 e não R$ 20 como publicado. Cabe esclarecer ainda a modalidade da licitação que foi de registro de preços, ou seja, a aquisição será de acordo a necessidade apresentada pelos agentes de endemias nas visitas que serão feitas nos bairros da capital, incluindo a zona rural e a população ribeirinha. O município não vai comprar 40 mil cortinados de uma única vez”, disse parlamentar.

De acordo a deputada, um planejamento foi feito junto à secretaria municipal de saúde para a aplicação de R$ 6 milhões nas estratégias de combate à malária e a dengue em Rio Branco. Ela alerta para os dados informados pelo boletim do Ministério da Saúde que apontam aumento em 84% nos casos de dengue e a redução em 27,9% dos casos de malária.

“Temos situações distintas que tem um mosquito como transmissor. Não há vacinas para dengue e nem para combater a malária. Se pudermos evitar que esses mosquitos piquem as pessoas, interrompemos o ciclo de transmissão das doenças. O mosquito morre ao entrar em contato com o mosqueteiro que contém permetrina. Essa ação deu certo no Juruá onde se concentrava quase 80% dos casos de malária. Creio que prevenir seja o melhor remédio, por isso vamos levar esse modelo a outras cidades onde existam focos das doenças”, acrescentou.

Vanda Milani lembra que a aquisição de mosqueteiros pelo município de Rio Branco não é nenhuma novidade e que em gestões passadas o Ministério da Saúde enviou 35 mil unidades para ajudar no combate à malária e a dengue. O esforço, segundo a parlamentar, vem ajudando a tratar e evitar também doenças como a Zika e a Chikungunya.  Mulheres grávidas e crianças estão entre as mais vulneráveis. A malária mata a cada ano 2 milhões de pessoas em todo o mundo.

Eleita pela Associação dos Municípios do Acre como a deputada que mais investiu em saúde pública, Vanda Milani garante que outras ações serão desenvolvidas em parceria com a secretaria municipal de saúde para ajudar na qualidade do atendimento à população. Um programa oftalmológico vai investir R$ 2,8 milhões na visão de pessoas de baixa renda. Outros R$ 2,8 milhões vão ajudar a promover o controle populacional dos animais domésticos evitando o aumento de animais de rua e a disseminação de doenças.

“Outro projeto que eu estou acompanhando com muito carinho é o de aquisição de oito Vans Odontológicas que vão circular nos bairros da zona urbana de Rio Branco e também na zona rural, garantindo a disponibilização desses serviços odontológicos a toda população da nossa capital, incluindo os da zona rural, que precisem” garantiu.

Vanda Milani disse não abrir mão de investir na qualidade de vida das pessoas e de tratar a aplicação dos seus recursos com seriedade. Ela gradeceu o apoio dado pelo município de Rio Branco.

“O prefeito Tião Bocalom e sua equipe de secretários abraçaram nossos projetos. Eles têm dado uma atenção especial aos investimentos que temos disponibilizados através de nossas emendas em todas as áreas, com foco em resultados para o bem da coletividade. Vamos continuar essa parceria a benefício do povo”, concluiu.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem