Palanques dão impulso a Bolsonaro

 


Da Bahia para cima, só dá Lula. Da Bahia para baixo, o presidente Jair Bolsonaro continua recuperando fôlego e armou muito bem seus palanques e a campanha à reeleição. Isso vale para Centro-Oeste, Sul e o populoso Sudeste, inclusive para São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Se o clima lulista era de “já ganhou” e a dúvida era se a vitória seria em primeiro ou segundo turno, as certezas balançam.

Bolsonaro tem construído palanques competitivos em grande parte do Brasil, o que deve ajudá-lo a melhorar seu desempenho nas pesquisas durante a campanha eleitoral, avaliam líderes e dirigentes de partidos, mesmo os contrários a ele.

Esses aliados darão estrutura para as viagens do presidente, espaço na propaganda da TV e rádio e ajudarão a puxar votos para a chapa presidencial.

Recente pesquisa Datafolha para presidente da República mostra o ex-presidente Lula na liderança com 43% das intenções de voto em simulação de primeiro turno. O presidente Jair Bolsonaro vem em segundo, com 26%. Na sequência estão o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), com 8%, e o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 6%. Como a margem de erro do levantamento é de dois pontos para mais ou para menos, trata-se de uma situação de empate técnico.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem