“Madrinha dos municípios” Deputada federal Vanda Milani destina mais de R$ 36 milhões para desenvolvimento regional do Acre em 2022

Deputada é reconhecida como madrinha dos municípios pelos recursos aplicados no setor do agronegócio e apoio à agricultura familiar


A deputada federal Vanda Milani (SOLIDARIEDADE-AC) destinou em 2022 mais de R$ 36 milhões em emendas individuais, de transferência especial e emenda de bancada para os municípios do estado do Acre. Reconhecida pela organização Ranking dos Políticos como a parlamentar mais atuante da bancada federal do seu estado, ela foi quem mais liberou recursos para o desenvolvimento regional.

 

“Nosso mandato trabalha com afinco para auxiliar no fortalecimento e desenvolvimento de todos os municípios, sem escolher cor partidária, mas, com foco nas pessoas, liberando recursos que chegam lá na ponta, para quem mais precisa”, garantiu a parlamentar.


Obras estruturantes como a Orla do XV vão ajudar na geração de emprego e renda nos municípios do Acre


Presente nas 22 cidades do Acre, Vanda Milani tem como marca registrada de seu mandato, o diálogo com organizações não governamentais, vereadores, prefeitos e lideranças comunitárias, levantando em cada região, as principais prioridades apresentadas ao governo federal através do orçamento geral da união (OGU). Os investimentos priorizados são resultados de uma política continuada que tem como base a sustentabilidade e o desenvolvimento socioeconômico.

 

A rota do Pacífico que compreende os municípios do Alto Acre vai receber o maior aporte financeiro, um total de R$ 13,9 milhões, beneficiando uma população de 72.528 pessoas dos municípios de Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia e Xapuri. Na região estão as maiores plantas frigorificas de suíno e frango com mais de 450 empregos gerados diretamente. Os recursos chegam no coração da BR 317, a estrada do Pacífico.

 

“Sou a deputada federal que mais investe no Alto Acre. Nossos recursos ajudam na integração do Pacífico, nossa parceria com o governo federal, o estado e os municípios tem gerado mais emprego e renda, além de preparar o Acre como uma rota estratégica para expansão econômica”, analisou Vanda Milani.


Deputada visitou e ouviu moradores das regiões de difícil acesso no Juruá e Purus, alocando recursos para ajudar na redução das desigualdades e pelo desenvolvimento das cidades


Tendo o agronegócio como principal bandeira de seu mandato, a deputada é reconhecida em Plácido de Castro e toda regional do Baixo Acre, como “madrinha dos municípios”. Foram R$ 8,2 milhões destinados aos municípios de Rio Branco, Capixaba e Plácido de Castro onde vive mais da metade da população do estado, um total de 442.635 pessoas. Do montante de recursos, R$ 4,4 milhões foi priorizado para o setor produtivo.

 

“Essa região é a maior produtora de soja, cultura que tem previsão de 9,8% de aumento na safra esse ano. O milho tem previsão de crescimento de 13,8% na produção. Através de nossas visitas priorizamos R$ 2 milhões para manutenção e recuperação de estradas vicinais em Plácido de Castro e Capixaba, atendendo pedido da agricultura familiar” contabilizou.

 

A deputada também contempla com recursos de emendas de transferência especial, a população ribeirinha de Capixaba. Mais R$ 400 mil serão aplicados na construção da rampa de acesso ao Rio Acre. Uma emenda de bancada de R$ 2 milhões vai erguer um novo e moderno mercado em Plácido de Castro.

 

“Nossa meta é garantir ao grande empresário e ao pequeno produtor o escoamento de seu produto, além da desburocratização do setor com políticas públicas desenvolvidas pelo governo através da secretaria de estado de meio ambiente e políticas indígenas que tem o secretário Israel Milani à frente”, acrescentou a deputada.

 

Para a região de Tarauacá/Envira, a prioridade definida com participação da sociedade foi para investimentos em saúde pública. Uma UBS tipo 1 será construída com recursos de R$ 860 mil em Feijó. Toda regional que contempla ainda Tarauacá e Jordão, receberá R$ 1 milhão em emendas.

 

A deputada também pensou nos mais de 33 mil habitantes que vivem em regiões de difícil acesso no Jordão (Tarauacá/Envira), Santa Rosa do Purus e Marechal Thaumaturgo (Juruá). O aeródromo de Santa Rosa será revitalizado com investimento de R$ 1 milhão de emenda de bancada. R$ 350 mil serão para aquisição de barcos para saúde e educação de Marechal Thaumaturgo.

 

O Juruá, segunda região mais populosa do Acre, com mais de 159 mil habitantes, também será contemplada com R$ 8,2 milhões. Obras estruturantes vão se transformar em verdadeiros cartões postais. R$ 5 milhões serão aplicados na construção de uma orla em Rodrigues Alves. A tão sonhada ponte que integra a BR 364 em definitivo com o restante do país, receberá R$ 1 milhão de aporte fruto de emendas da deputada Vanda Milani.

 

“Aloquei recursos de acordo investimentos que a região já recebe do governo do Acre. Assim, ampliamos as oportunidades e reduzimos as desigualdades, levando qualidade de vida a todos os moradores da região do Juruá, estratégica em seu potencial turístico”, assegurou.

 

Além das obras estruturantes que gerarão emprego e renda em suas execuções, a saúde pública foi priorizada. A deputada alerta para os cuidados com a pandemia da Covid-19. Rio Branco receberá um reforço de R$ 2,8 milhões para fortalecimento da saúde pública. Na última quarta-feira, R$ 3,5 milhões em verba extra, caíram na conta do município para incremento básico de saúde. Ao todo, são mais de R$ 6,3 milhões somente para saúde dos moradores da capital, onde residem mais de 400 mil habitantes.

 

“Não podemos descuidar dos cuidados sanitários necessários para o enfrentamento da covid-19. O governador Gladson Cameli acertou em priorizar vidas, agora é hora de retomar o crescimento, gerar oportunidades e colocar o estado no trilho do desenvolvimento. Estou preparada para os novos desafios e pronta para continuar contribuindo com o crescimento do Acre”, concluiu Vanda Milani.

 

Veja a distribuição das emendas parlamentares por regional:

 

Regional do Alto Acre R$ 13.980.000,00

 

Regional do Baixo Acre R$   8.921.792,00

 

Regional do Juruá R$   8.270.000,00

 

Regional do Purus R$   3.860.000,00

 

Regional Tarauacá/Envira R$   1.060.000,00


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem