Seleção Brasileira deve rejeitar Copa América

 


Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Os jogadores da seleção brasileira de futebol estão decididos a dizer que preferem não jogar a Copa América, que foi trazida para o país numa iniciativa do presidente Jair Bolsonaro. A medida foi criticada de maneira efusiva pelo Grupo Globo, que sairá vitorioso se a competição for cancelada. O torneio, se realizado, terá transmissão pelo SBT.

Com início marcado para 13 de junho, a Copa América reúne 10 seleções de futebol para disputar 28 jogos. A final está agendada para 10 de julho, no Maracanã.

No final da partida pelas Eliminatórias da Copa Mundo entre os times do Brasil e do Equador, disputado nesta 6ª feira 4, o capitão da seleção brasileira, o jogador Casemiro (que atua no Real Madrid, da Espanha), disse:

“Não podemos falar do assunto, todos sabem nosso posicionamento, mas não vamos falar do assunto. Todo mundo sabe, está mais claro impossível, o Tite deixou claro o que nós pensamos. Existe um respeito, uma hierarquia que temos que respeitar, queremos dar nossa opinião e aconteceram muitas coisas. Mas não queremos desviar o foco, porque isso para nós é Copa do Mundo. Hoje ganhamos jogo de Copa do Mundo. Se é certo ou não cada um vai determinar, mas queremos expressar nossa opinião e nós iremos falar. O Tite explicou a situação, o que ele falou, eu como capitão e líder dos jogadores, digo que rolou mesmo, nos posicionamos, mas iremos falar no momento oportuno. Não só eu nem jogadores da Europa, como rolou, falo em nome de todos os jogadores com Tite e comissão técnica, é unânime.”

Tudo indica que na  próxima terça-feira 8, os jogadores e a comissão técnica da seleção brasileira devem anunciar o desejo de que a Copa América seja cancelada. Será um evento inédito na história do time nacional de futebol. Com informações do Poder360

 

Postagem Anterior Próxima Postagem