Prefeito Jerry convence líderes haitianos a retirarem mulheres e crianças da ponte

 


O prefeito de Assis Brasil, Jerry Correia, conseguiu convencer as lideranças dos imigrantes que oculpam a Ponte da Integração a permitirem que crianças e mulheres voltem ao abrigo mantido pela Prefeitura de Assis Brasil. A conversa foi feita no gabinete do prefeito após um grupo de aproximadamente 400 imigrantes romperem a barreira policial e invadirem a cidade peruana de Iñapari, mas serem expulsos horas depois com o uso de força e violência.

 

Após o confronto com as forças de segurança peruanas, muitos estrangeiros, entre eles mulheres e crianças, chegaram feridos ao lado brasileiro. Equipes da Assistência Social e Saúde do município foram para o local e atenderam alguns que precisavam de socorro.

 

Com apoio da inteligência das forças de segurança do Acre, o prefeito conseguiu abrir um diálogo com dois líderes do movimento que aceitaram ir até seu gabinete.

 

"Enquanto o Governado Federal cria as condições para levar essas pessoas ao seu destino, vamos continuar com nossa ação humanitária. Todos estão chocados com as cenas que vimos nesses últimos dias que quase terminaram em tragédia. São mais de 50 crianças que estavam desde domingo na chuva e no sol no meio de uma ponte e sob a mira de metralhadoras. Vamos receber esses irmãos de volta em nossos abrigos, alimentá-los e fazer aquilo que Jesus ordenou em seus ensinamentos", desabafou emocionado o prefeito.

Postagem Anterior Próxima Postagem