Cresce pressão para PSDB deixar bloco de apoio a Baleia

 


Após o movimento do DEM que decidiu declarar neutralidade na corrida pela presidência da Câmara, cresce a pressão para o PSDB fazer a mesma guinada nesta segunda-feira (1°).


De acordo com a CNN, integrantes do partido relatam que o atual líder da legenda, Carlos Sampaio (PASB-SP), e outros integrantes da sigla tiveram uma reunião com Arthur Lira (PP-AL), na noite deste domingo, em uma casa no Lago Sul, região nobre de Brasília, para tratar de eventuais espaços para o tucanato na direção da Câmara, caso o PSDB declare neutralidade e deixe o bloco de Baleia Rossi (MDB-SP) na corrida pela presidência da Casa.

Rossi é o candidato de Rodrigo Maia (DEM-RJ), atual presidente da Câmara. Sua candidatura sofreu um forte revés na noite deste domingo (30), com a decisão do DEM de deixar o bloco de apoio ao seu nome para declarar neutralidade na disputa.

O gesto, na prática, fortalece a candidatura de Arthur Lira, que é apoiada pelo presidente Jair Bolsonaro. 

Uma guinada do PSDB pode ser formalizada na segunda. Integrantes da sigla dizem que, hoje, a possibilidade de o tucanato migrar para a neutralidade é muito grande.

Ainda de acordo com informações da CNN, caciques do PSDB tentam conter o movimento. Entre eles o governador João Doria e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

 

Postagem Anterior Próxima Postagem