Indicado de Gladson Cameli deixa a chefia da Sudam


O governo federal trocou o comando da Sudam (Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia), autarquia voltada a promover o desenvolvimento da região amazônica por meio incentivos fiscais e financeiros para atrair investidores.
O atual superintendente, Paulo Roberto Correia da Silva, foi exonerado –termo técnico usado pelo serviço público sobre demissão. Em substituição, Louise Caroline Campos Low foi nomeada.
A portaria (íntegra – 46 KB) sobre a mudança no cargo foi publicada no DOU (Diário Oficial da União) desta 4ª feira (9.set.2020). O documento foi assinado pelo ministro-chefe da Casa Civil Walter Braga Netto.
Louise Caroline Campos Low é auditora de finanças e controle na Receita Federal. Desde abril deste ano, ela já ocupava 1 cargo comissionado no governo Bolsonaro, como assessora técnica na Secretaria Especial de Relações Institucionais da Secretaria de Governo da Presidência da República.
Seu antecessor no comando da Sudam, o engenheiro Paulo Correia da Silva, foi nomeado para o cargo em agosto de 2015, ainda na gestão da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Ele foi uma indicação do então senador Gladson Camelli (Progressistas- AC), atual governador do Acre.


Postagem Anterior Próxima Postagem