Em semana de convenções partidárias, Câmara pode reativar CCJ



A Câmara e o Senado terão a uma semana de poucas atividades. Não haverá sessão do Congresso. O feriado de 7 de setembro foi outra das razões para a inatividade. Mas o maior impedimento foi as convenções de partidos para escolher candidatos a prefeito e vereador com a participação de deputados e senadores.

Alguns congressistas também disputarão o pleito candidatos em capitais e grandes cidades. Outros trabalharão para que os nomes apoiados por eles sejam escolhidos. O atrativo para participar do pleito é grande. Quem perde nas disputas para prefeito mantém o mandato no Congresso.

A Câmara poderá, entretanto, aprovar na semana que vem um projeto de resolução que permite a volta às atividades de quatro comissões da Casa. São elas: a Comissão de Constituição e Justiça, Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, Comissão de Finanças e Tributação e a Comissão de Fiscalização Financeira e Controle.
O trabalho das comissões está suspenso desde o início das votações remotas. Com a CCJ funcionando, vários projetos poderão ser destravados, entre eles, a PEC da reforma administrativa.
Outro tema que precisa da reativação para caminhar é o da deputada Flordelis (PSD-RJ). A Mesa Diretora vai encaminhar à Corregedoria da Casa um pedido de representação contra ela, sob a acusação de ser a mandante do assassinato do marido, no mês passado.


Postagem Anterior Próxima Postagem