Bolsonaro vai indicar ministro do STF após 13 de outubro

Bolsonaro e ministro Jorge Oliveira no Planalto

Foto: Antonio Cruz/Agencia Brasil

Apenas depois que aposentadoria do ministro Celso de Mello for publicada no Diário Oficial da União, o presidente Jair Bolsonaro irá anunciar o nome do seu substituto para a vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). Como o decano  já deu entrada no pedido de aposentadoria com a data de 13 de outubro, a oficialização deve acontecer de forma quase instantânea, conforme apurou o R7 Planalto.


Os nomes preferidos do presidente ao cargo são dos ministros Jorge Oliveira, da Secretaria-Geral da Presidência, e de André Mendonça, da Justiça, nesta ordem. Bolsonaro queria indicar Oliveira para a vaga da Justiça com a saída de Moro, mas Oliveira recusou o posto e Bolsonaro optou pelo até então Advogado Geral da União André Mendonça. 


Se o nome de Oliveira for confirmado, ele deve receber o mesmo tipo de crítica enfrentada por Dias Toffoli ao assumir. Por ser jovem -Toffoli tinha 43 anos e Oliveira terá 45 se asssumir em outubro- e não ter experiência como juiz. Ambos são advogados. 

 

Postagem Anterior Próxima Postagem