Ronaldinho fez festas com modelos em hotel, diz imprensa paraguaia


Após o Ministério Público do Paraguai não apresentar nova denúncia contra o ex-jogador Ronaldinho Gaúcho e o seu irmão Roberto Assis, ambos estão em clima de festa antes de retornar ao Brasil. Segundo a imprensa paraguaia, a vida dos brasileiros têm sido agitada, com direito a festas e visitas de modelos no quarto do hotel de luxo onde cumprem prisão domiciliar.

O Ministério Público do Paraguai concluiu que Ronaldinho não participou da obtenção de documentos falsos, mas que Assis sabia da origem irregular da documentação apresentada para entrar no país. O MP estipulou medidas que devem ser respeitadas para que ambos sejam liberados, mas dependem do aval do juiz Gustavo Amarilla.

Os termos apresentados ao juiz inclui multa de 200 mil dólares (110 mil para Assis e 90 mil para Ronaldinho), e que seja apresentada uma declaração de residência fixa no Brasil e comparecimento a uma autoridade judicial no Brasil a cada três meses. Assis ficaria em liberdade condicional por dois anos, e R10 por apenas um. Fonte: Lance

Postagem Anterior Próxima Postagem