Movimento pró-armas reúne em Brasília manifestantes do Acre e dos demais estados

Nenhum comentário


Um ato realizado na última quinta-feira 9, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, reuniu apoiadores de Jair Bolsonaro em torno de uma das pautas mais defendidas pelo presidente: a flexibilização do porte de armas.

O movimento pró-armas reuniu manifestantes de todos os estados brasileiros. A delegação do Acre foi representada por cerca de 50 pessoas que se juntaram aos demais manifestantes pedindo, inclusive, para que uma segunda emenda à Constituição seja criada para garantir a liberdade de possuir e portar arma de fogo.

Os manifestantes se concentraram em frente à Catedral Metropolitana, empunhando faixas com pedidos de “armas para o cidadão de bem” e pleitos para que o estatuto do desarmamento seja revogado.

Na ocasião, os organizadores do evento pediram para que todos usassem camisa branca e fossem desarmados, para mostrar que os cidadãos são pacíficos e ordeiros. Foi sugerido, ao invés de armas que fosse levado desenhos das mesmas, em cartazes, para simbolizá-las,  


O movimento também teve como pautas o apoio ao presidente Jair Messias Bolsonaro (sem partido) e a luta “contra a demonização de atiradores esportivos, colecionadores e caçadores”.







Nenhum comentário

Postar um comentário