Criticada, lei das fake news entra na pauta do Senado nesta semana

Nenhum comentário

O Senado deve votar na semana que se inicia o projeto da chamada lei da lei das fake news. A proposta endurece as regras para abertura de conta em redes sociais, limita envio de mensagens em massa e determina que as empresas de tecnologia mantenha registros de compartilhamento de mensagens por 3 meses, entre outras providências.
Instituições da sociedade civil afirmam que o texto ameaça a liberdade de expressão e a privacidade na rede. Empresas gigantes da tecnologia, como Facebook, Google e Twitter, também criticaram o projeto.
A votação está agendada para esta terça-feira30, às 16h. Os senadores avaliariam o texto na última quinta-feira 25, mas o compromisso foi adiado.
A proposta cria meios de identificar contas em redes sociais e outros serviços para facilitar o rastreio de possíveis criminosos. Também restringe a quantidade de vezes que uma mensagem pode ser compartilhada, e o número de pessoas em grupos de mensagens.

Nenhum comentário

Postar um comentário