BAÚ DA QUARENTENA: "O GENOCÍDIO DE GENTIL NORBERTO"


"Herói" da Revolução Acreana ajudou a dizimar os anarquistas no final da República Velha

Por Edinei Muniz

No final da República Velha, também chamada de política do café com leite, período dominado pela influência de grupos oligárquicos agrários de São Paulo e Minas Gerais,  os setores sindicais brasileiros eram dominados pelos chamados "anarco-sindicalistas', grupos  anarquistas com forte influência na base operária.

Aliados aos setores mais contundentes da oposição da época, militares,  governadores e outros, os anarquistas representavam um grave incômodo à manutenção das oligarquias dominantes da República Velha e atraíram a repressão do governo de Artur Bernardes (1922-1926), que acabou  transformando o país num permanente "Estado de Sítio" e também palco dos mais graves atos de violência política desse período da nossa história. 

E é aí que, em meio a tantos prisioneiros políticos decorrentes da repressão estatal, surge a "Colônia do Oyapoque ou Clevelândia do Norte", criada inicialmente para ser uma colônia de povoamento na fronteira do Amapá com a Guiana, mas que acabou se transformando em um campo de concentração para prisioneiros políticos, a imensa maioria, anarquistas, mas não somente. 

Gentil Norberto, figura que, na Revolução Acreana, já havia demonstrado ser extremamente violento, atuou como Chefe da Comissão da chamada Clevelândia do Norte. 

Os relatos apontam para a participação intensa de Gentil em atos de tortura e morte de centenas de militantes anarquistas durante o conturbado governo de Artur Bernardes.

Outros relatos, estes um pouco mais carentes de confirmação, mas, mesmo assim, existentes, sugerem a suspeita de que muitos prisioneiros políticos do referido período podem ter sido "desterrados" para o Acre, sendo largados às margens dos rios para serem escravizados por seringalistas à mando de Gentil Norberto.

http://memoria.bn.br/DocReader/Hotpage/HotpageBN.aspx?bib=372382&pagfis=1921&url=http://memoria.bn.br/docreader#

Segue...




Postagem Anterior Próxima Postagem