ACRE, 58 ANOS COMO ESTADO!!!

Nenhum comentário


Em, 15 de junho de 1962, o sonho de todos os ACREANOS tornou-se realidade, pois foi justamente nesta data histórica que o ACRE, passou de “Território” à “Estado”, através Lei Federal Nº 4.070, ora sancionada em 15 de Junho de 1962 pelo Presidente do Brasil, JOÃO GOULART.
Assim sendo, passados 58 anos, esse ESTADO, cresceu, desenvolveu, criou asas e hoje é um exemplo de fortalecimento político para toda Região Norte, bem como também para todo o BRASIL.
O Acre é um Estado Brasileiro pertencente à Região Norte e faz divisa com a Amazônia e Rondônia, além de dois países, ou seja, PERU E BOLÍVIA.
É conhecido também, como Estado Verde, devido à sua forte Preservação Ambiental e preocupação sustentável, com opções de passeios em meio à natureza, permeando a rica variedade de fauna e flora nativa.
Assim, passeios sustentáveis pelas florestas, atividades de aventura, bem como o contato com as populações ribeirinhas são experiências únicas de serem vivenciadas no ESTADO DO ACRE.
Até hoje tem brasileiro, que por pura falta de conhecimento, chacota ou pura ignorância insiste em ficar dizendo, que O ACRE NÃO EXISTE.
Aliás, cumpre informar aos desinformados, que o ESTADO DO ACRE é a “Terra Natal” de várias personalidades conhecidas em todo o Brasil, ou seja, CHICO MENDES, ENÉAS CARNEIRO, GLÓRIA PERES, MARINA SILVA e o renomado “Médico Cardiologista Brasileiro”, ADIB DOMINGOS JATENE, falecido em 14 de Novembro de 2014, conhecido no mundo inteiro por ter realizado o “Primeiro implante de Ponte de Safena no País” e a realização de mais de 20.000 (vinte mil) “Cirurgias do Coração”.
Eu mesmo, “tive o prazer” de ir ao ACRE por 04 vezes, onde lá pessoalmente pude constatar pessoalmente que o mesmo tem muitas riquezas e histórias para se conhecer, e principalmente, onde fui muito bem recebido por todos os Acreanos que tive a honra de conhecer, dos quais destaco, GLADSON CAMELI, que na época era SENADOR e hoje é o atual “Governador do Estado”.
Há de se ressaltar, que o então Senador da República na época, me recebeu em seu escritório em RIO BRANCO, me dando as boas vindas e expressando sua alegria em receber esse humilde “Jornalista de São Paulo”, que hora presta esta modesta homenagem a este Estado, o qual tanto “ama” e tem um “Carinho Muito Especial” por todo o POVO ACREANO.
Portanto, que no “aniversário” de (58 ANOS) de EXISTÊNCIA do ESTADO DO ACRE, todos possam acabar de uma vez por todas com a infeliz brincadeira, dizendo que o ACRE NÃO EXISTE.
Façam como eu fiz, vão até lá e comprovem com os seus próprios olhos, “que o mesmo além de existir”, TEM UM POVO LINDO, MARAVILHOSO E TRABALHADOR!!!
POR, RODINEI LAFAETE

Nenhum comentário

Postar um comentário