Enfermeiros (a) são agredidos em protesto com ameaças e gritos de morte nesse 1º de maio em Brasília


Postagem Anterior Próxima Postagem