Alunos do Ifac irão receber Auxílios Permanência e Emergencial


Recursos serão repassados mensalmente para mais de 1.300 estudantes do Ifac em situação de vulnerabilidade social
O Instituto Federal do Acre (Ifac), através da Diretoria Sistêmica de Assistência Estudantil (Dsaes), irá pagar Auxílio Emergencial aos estudantes em situação de vulnerabilidade social. O benefício foi anunciado na manhã dessa quarta-feira (08.04) e irá contemplar 300 alunos de cursos técnicos integrados e subsequentes, como também de cursos superiores, com o valor mensal de R$ 200. Além disso, mais de mil alunos da instituição também estão sendo beneficiados com o pagamento do Auxílio Permanência.
A decisão pelo pagamento do recurso emergencial, conforme explica a reitora do Ifac, Rosana Cavalcante dos Santos, é mais uma das ações que estão sendo realizadas pela instituição como forma de auxiliar os estudantes, durante o período de isolamento social e suspensão das aulas, devido a pandemia pelo novo coronavírus (Covid-19).
“O Ifac, assim como toda a Rede Federal tem feito um trabalho diário e responsável, no que se refere aos estudantes. Mesmo em época de crise financeira e, mais ainda, nesse momento de pandemia, entendemos que o pagamento de bolsas aos alunos é uma prioridade. O objetivo do Auxílio Emergencial que será concedido pelo Ifac é para que durante esse período de isolamento social e suspensão das aulas, nossos alunos possam estar em casas mais tranquilos, com a garantia de um benefício que será pago mensalmente, até que as aulas presenciais sejam retomadas”, destacou a reitora do Ifac.
Conforme explica o diretor sistêmico de Assistência Estudantil, Edu Gomes da Silva, na próxima semana será lançado edital para que os estudantes possam concorrer às vagas do Auxílio Emergencial. Segundo ele, poderão participar da seletiva apenas estudantes que comprovem renda per capita familiar de até um salário mínimo e meio, ou que sejam oriundos da rede pública de educação. O recurso tem como destino a complementação das despesas com alimentação.
Ainda de acordo com Edu Gomes, o pagamento do Auxílio Emergencial tem o objetivo de estender a proteção social aos alunos em situação de vulnerabilidade que, por alguma questão recente de risco social, encontram dificuldades para manter as condições mínimas no período de calamidade pública.      
“A demanda por esta modalidade surgiu a partir de um levantamento realizado pelos Núcleos de Assistência ao Estudante (Naes), que identificaram os casos de discentes que não foram atendidos nos editais do Auxílio Permanência, mas que são públicos das ações de assistência estudantil”, explicou o diretor sistêmico.
Pagamento de bolsas de Auxílio Permanência

De acordo com Edu Gomes, o pagamento das bolsas de Auxílio Permanência continua sendo realizado pelo Instituto Federal do Acre, durante o período de suspensão das aulas, devido à pandemia pelo novo coronavírus. Segundo ele, desde a última sexta-feira (03.04), os recursos estão sendo disponibilizados aos estudantes da instituição.

Conforme explica a reitora do Ifac, Rosana Cavalcante dos Santos , a manutenção pelos pagamentos das bolsas de Auxílio Permanência também foi outra decisão da instituição como forma de auxiliar os alunos durante o período de isolamento social.

“Temos trabalhado para que nossos alunos possam ficar em casa mais tranquilos, sabendo que os benefícios estão garantidos. Com isso, temos a certeza de que nossos estudantes vão poder estar casa e seguros, pois estamos trabalhando para que a retomada de aulas presenciais seja a melhor possível. O pagamento dos auxílios aos nossos alunos é reflexo do esforço e compromisso que temos com todos os estudantes, pois são eles a razão da existência da nossa instituição”, finalizou a reitora do Ifac.
---



Postagem Anterior Próxima Postagem