Da Rússia à Venezuela, países impõem fechamento total ou parcial de fronteiras



Mais de 155 mil pessoas já foram infectadas em todo o mundo pelo coronavírus. Dos Estados Unidos à Espanha, passando pela Rússia, países estão acelerando suas medidas com o objetivo de minimizar o impacto da pandemia. Desde as 8h de hoje, todos os portos do Chile foram fechados a cruzeiros. "Nós decidimos proibir o retorno em todo o país de cruzeiros a partir das 8:00h destedomingo", disse no Twitter Jaime Mañalich, ministro da Saúde do Chile.
A Venezuela exigiu uma "quarentena obrigatória" a todos os viajantes procedentes da Europa que chegaram ao país em março e suspendeu por 30 dias os voos procedentes da República Dominicana e do Panamá como medida de proteção. O Uruguai decretou emergência de saúde, assim como o fechamento parcial das fronteiras.
No sábado, dois cruzeiros de luxo foram postos em quarentena. Com mais de 200 passageiros e tripulantes, o Silver Explorer fazia um tour pela Patagônia chilena quando surgiu um caso confirmado de coronavírus, um senhor de 85 anos que depois foi transferido para um hospital da cidade de Coyhaique, localizado a 1.700 km ao sul de Santiago. Os dois cruzeiros de luxo, o Silver Explorer e o Azamara, pertencem à Royal Caribbean Cruises.
Na América Latina, a Colômbia anunciou o fechamento das passagens de fronteira com a Venezuela e restringiu a entrada de estrangeiros que estiveram na Europa e na Ásia. A Venezuela declarou-se em "estado de alarme" e o Uruguai decretou uma emergência de saúde e o fechamento parcial das fronteiras.
Diante da expansão da COVID-19, a Rússia, que tem apenas 45 casos e nenhuma morte, decidiu fechar suas fronteiras terrestres com Polônia e Noruega, depois adotar a mesma medida na fronteira com a China há algumas semanas.
Nos esportes, cancelamentos ou adiamentos continuam a ocorrer. O Giro d'Italia e o Grande Prêmio da Austrália de Fórmula 1 foram cancelados nas últimas horas. Mas o Japão insiste que sediará as Olimpíadas em Tóquio em julho.


Postagem Anterior Próxima Postagem