Bolsonaro critica fechamento de escolas e pede fim de ‘confinamento em massa’

Nenhum comentário

Foto: Presidência da República
O presidente Jair Bolsonaro fez pronunciamento na TV e no rádio na noite desta terça-feira 24, para tratar das ações do governo no combate à covid-19, doença causada pelo novo coronavírus e que já acometeu mais de 2.200 brasileiros.
Num discurso de 4 minutos, o chefe do Executivo federal reclamou de “algumas poucas autoridades estaduais e municipais” que tomaram decisões que ele não considera as melhores no combate à pandemia de coronavírus.
O presidente afirmou que tais autoridades deveriam “abandonar o conceito de terra arrasada“. Criticou “a proibição de transportes, o fechamento de comércio e o confinamento em massa“.
Bolsonaro disse ainda que a mídia ajudou no que chamou de “histeria” sobre a pandemia. Mas disse ter visto uma mudança editorial de veículos jornalísticos, que pedem calma. “Percebe-se que, de ontem para hoje, parte da imprensa mudou seu editorial. Pedem calma e tranquilidade. Isso é muito bom. Parabéns, imprensa brasileira.” Por Poder 360.
.


Nenhum comentário

Postar um comentário