15 de março: Manifestações podem acabar esvaziadas

Nenhum comentário

Os atos pró-governo marcados para o próximo domingo 15, lastreiam a negociação do governo com o Congresso. As manifestações podem ser mais ou menos ácidas contra Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre; dependendo do que ficar ajustado com os dois, Bolsonaro pode modular o discurso para fazer um afago no Legislativo.
O Covid-19, no entanto, coloca em dúvida a potência dos atos. Com o medo da infecção, as manifestações podem acabar esvaziadas. Em Brasília, começou a ser registrado entre bolsonaristas um certo temor de que as manifestações possam flopar, com pouco público.

Nenhum comentário

Postar um comentário