Casal de procuradores que atua no Acre vai integrar Lava Jato no Paraná

Nenhum comentário

O coordenador da força-tarefa de procuradores que atuam na Lava Jato no Paraná, Deltan Dallagnol, pediu e o procurador-geral da República, Augusto Aras, e ele concordou. Portaria publicada nesta terça-feira 28, apresenta os nomes de dois reforços para a maior investigação contra a corrupção do país.
Parte inferior do formulário
Foram escolhidos por Dallagnol os procuradores Luciana de Miguel Cardoso e Joel Bogo. Os dois têm experiências em forças-tarefas nas regiões Norte e Centro-Oeste e são casados. Hoje, eles atuam no Acre.

Nenhum comentário

Postar um comentário