Caso NETFLIX: Porta dos Fundos deve gerar bloqueio no Brasil

Nenhum comentário



O Caso NETFLIX Porta dos Fundos deve gerar bloqueio no Brasil e afundar ainda mais as contas da empresa capitaneada pelo CEO Reed Hastings. A empresa que acumulou perdas de 21 bilhões em 2019, resolveu bancar Gregório Duvivier e Fábio Porchat com o horrendo “A Primeira Tentação de Cristo”.
Nesta quarta-feira 18, a Comissão de Ciência e Tecnologia intimou a empresa a prestar prontamente seus esclarecimentos sobre o crime – além de informar o jurídico do NETFLIX Brasil que a empresa responderá criminalmente pelo artigo 208 do Código Penal, além de bloqueio imediato em território nacional.
O escritório do NETFLIX no Brasil se recusou a falar com a imprensa mas informou o HQ em Los Gatos na Califórnia, que a suspensão de conteúdo do Porta dos Fundos é a melhor forma de evitar um embate jurídico ainda mais caro mas já claramente inevitável.

Igrejas Católicas E Templos Evangélicos Formam Batalhão Jurídico

Um dos escritórios de advocacia mais respeitados e caros do Brasil, liderado por membros da Congregação Cristã no Brasil informa ao blog que advogados ligados a Igreja Católica e até mesmo líderes judeus e muçulmanos resolveram comprar a briga com NETFLIX e Porta dos Fundos, unindo todas as forças e fés contra o a dupla Gregório Duvivier e Fábio Porchat.
Com queda brusca em valor de mercado, falta de capital para novas produções e rigorosa perda de assinantes, o NETFLIX agora enfrentará um processo judicial que promete custar caro aos cofres já defasados da empresa. Com o bloqueio prestes a ocorrer, usuários terão de apelar para serviços de VPN para acessar a plataforma de streaming.


Nenhum comentário

Postar um comentário