Arrecadação de centrais com contribuição sindical deve cair 80% em 2019

Nenhum comentário

A arrecadação de sindicatos com as contribuições de trabalhadores deve cair 80% em 2019. O volume de recursos atingiu R$ 91,7 milhões no acumulado de janeiro a novembro. Em 2018 inteiro, foi de R$ 500 milhões.
O governo estuda enviar ao Congresso uma proposta de reforma sindical. Em setembro, foi criado grupo de trabalho coordenado pelo secretário Rogério Marinho (Previdência e Trabalho) para discutir o assunto. Marinho, no entanto, negou que há estudo para retornar com a obrigatoriedade do pagamento do imposto, extinto em 2017 com a reforma trabalhista.
Naquele ano, a arrecadação havia sido de R$ 3,6 bilhões. De lá para cá, a principal fonte de recursos das grandes centrais sumiu. CUT, UGT, Força Sindical, CSB, NCST e CTB tiveram queda de mais de 95% no dinheiro de contribuições.
Poder360 preparou 1 infográfico sobre o assunto:


Nenhum comentário

Postar um comentário