HEGEMONIA - DE CHEIRINHO EM CHEIRINHO CHEGAMOS À PERFUMARIA INTEIRA - Por Edinei Muniz

Nenhum comentário

Por Edinei Muniz 

Dinheiro jorrando, melhor futebol, torcida linda, apaixonada e espetacular, respeitado dentro e fora do Brasil como nunca, o Flamengo escolheu 2019 para traçar uma linha divisória na história do clube e também na história  do Futebol Brasileiro. 

Acostumem-se! 

O Flamengo quer - e terá - a hegemonia do futebol brasileiro nos próximos anos. 

O Gigante acordou!

E o melhor é que tudo isso não veio como obra do acaso. 

O sucesso Rubro-Negro é fruto de um planejamento rigoroso iniciado em 2013 e que segue sendo executado com inabalável atenção e rigor até os dias atuais. E assim seguirá! 

Alguns reclamam da diferença abissal que há entre a capacidade do Flamengo de construir o melhor elenco em razão da capacidade financeira em relação aos demais clubes. 

Mas o argumento é tão bobo quanto tacanha. Ora, ora, pergunto: tem como ser diferente? 

No futebol, quem pode, pode! E quem não pode se sacode. Ou então planeja! Certas verdades - e que bom - não mudam! 

Outros, reclamam dos contratos lucrativos de mídia. 

Bobagem! 

Temos 42 milhões de torcedores, lotamos estádios e batemos audiências de finais de Copa do Mundo. Foi assim no último sábado. E que loucura: 2,5 milhões nas ruas comemorando o bicampeonato da Libertadores. 

É claro que isso tudo tem sim imenso potencial de produção de dividendos para o clube. Mais uma vez a pergunta óbvia: tem como ser diferente? 

Quem não tem torcida se sacode. Ou seca! 

O CAMPEÃO VOLTOU e quer a HEGEMONIA!!!

E agora que encontramos o caminho de  ganharmos o mundo vai ficar difícil segurar o Mengão!!

Que venha o Mundial de 2019, que será apenas um rito de passagem para o lucrativo Super Mundial de Clubes de 2021. 

Ops! Rito de passagem não, já estamos classificados. É só mais um passo de quem planejou ganhar o mundo de novo e ocupar o lugar que merece. 

Dá-lhe Mengo! Nossas finanças já barram alguns gigantes da Europa!


Nenhum comentário

Postar um comentário