Em meio a protestos, Chile aumenta aposentadoria mínima de idosos em 50%

Nenhum comentário

O Congresso chileno fechou um acordo para aumentar a aposentadoria mínima dos idosos acima de 80 anos em 50% a partir de janeiro de 2020. Mesmo pós-reajuste, o montante é baixo. Vai de 110.210 pesos para 165.000 pesos (de US$ 130 a US$ 207).
Cerca de 1,6 milhão de pessoas serão beneficiadas. O projeto é conhecido como “marco de entendimento social”. Para quem tem de 75 a 79 anos, o aumento será de 30% em janeiro de 2022.
O Congresso também decidiu nesta semana  reduzir pela metade a tarifa de transporte público para aposentados –mais velhos que 65 anos. Fonte: Poder 360

Nenhum comentário

Postar um comentário