Com mais de 80% das urnas apuradas, Fernández ganha na Argentina

Nenhum comentário


Com mais de 82% das urnas apuradas, Alberto Fernández foi eleito em primeiro turno presidente da Argentina, na noite deste domingo (27/10). O peronista tem como companheira de chapa a ex-presidente e senadora Cristina Kirchner. Juntos, os dois formam a coalização "Frente de Todos".  

No país, para ganhar as eleições é necessário 45% dos votos ou 40% dos votos e dez pontos de vantagem em relação ao segundo colocado. No caso deste domingo, com 82% das urnas apuradas, Fernández já tinha 47% dos votos contra 41% de Maurício Macri, que tentava a reeleição pela chapa "Juntos por El Cambio". Em terceiro lugar ficou o ex-ministro da Economia, Roberto Lavagna, com 6,14%. 
 Atualmente, a Argentina enfrenta uma grave crise econômica e social, com inflação alta. Enquanto 30% da população vive na pobreza, os sem-teto chegam a quase 10%. Fernández assumirá em 10 de dezembro.

Nenhum comentário

Postar um comentário