OAB protocola ação que pede explicações de Bolsonaro sobre desaparecimento de Santa Cruz; Barroso será relator

Nenhum comentário


O Supremo Tribunal Federal (STF) protocolou ontem (31), uma ação assinada por 12 ex-presidentes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que pedem para que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) esclareça as declarações feitas sobre a morte de Fernando Santa Cruz, pai do atual presidente da OAB, Felipe Santa Cruz.

Para a OAB, ou o presidente está escondendo informações, o que atinge a honra do falecido e de seus familiares.  Na ação, o órgão pede que sejam apontados os nomes das pessoas que causaram o desaparecimento forçado e o assassinato de Fernando Santa Cruz, além de determinar que, caso Bolsonaro tenha essas informações. que explique como as obteve e se é possível comprová-las.

Existe o pedido, também, para que seja apontado onde está o corpo de Fernando Santa Cruz e que seja explicado porque o presidente não denunciou ou mandar apurar a conduta criminosa agora revelada. O ministro Roberto Barroso será o relator da matéria.

Na ação, os advogados ressaltam que as declarações de Bolsonaro vão contra o reconhecimento de que Santa Cruz teria sido morto pelas forças de repressão e que ainda mais grave seria a prática de injúria em razão da posição institucional e do cargo ocupado pelo presidente.

Nenhum comentário

Postar um comentário