Mecias relata indicação de embaixadora

Nenhum comentário


Márcio Accioly

No exercício do mandato congressual, tanto o deputado federal quanto o senador da República desempenham quantidade de tarefas que, caso seguida ao pé da letra, será capaz de absorver todo o tempo disponível. O exercício do mandato senatorial é incumbência que exige conhecimento e maturidade. Daí a enorme responsabilidade.

“Senador” é palavra que vem do latim “senatus”. Significa “senil”. Os senadores de Roma tinham, ainda, outra denominação: “otimates”. A palavra servia como referência aos mais sábios, escolhidos entre cidadãos comuns que formavam assembleias da plebe.


Nesta quarta-feira (14), o Senado aprovou a indicação de dois embaixadores que irão exercer suas funções na Bulgária e na Hungria. São eles: Maria Edileuza Fontenele Reis e José Luiz Machado e Costa. O senador Mecias de Jesus (PRB-RR) relatou a indicação de Maria Edileusa, e Márcio Bittar (MDB-AC) a de José Luiz Machado.


Mecias de Jesus, inclusive, presidiu grande parte da sessão, na Comissão de Relações Exteriores, mostrando, além de desenvoltura, estar perfeitamente harmonizado com os temas ali discutidos. Outro senador que demonstrou afinação com os assuntos foi Antônio Anastasia (PSDB-MG).

Anastasia fez resumo detalhado da situação histórica da Hungria, lembrando a democratização do país a partir da década de 80 do último século. Mecias mostrou a importância da Bulgária, na formação de parceria comercial com o Brasil, ressaltando o grande mercado consumidor que começa a se estruturar naquela nação.

Os dois países faziam parte da chamada “cortina de ferro”, durante a vigência da guerra fria.

As dificuldades políticas enfrentadas pelo Brasil não são de pequena monta. Mesmo assim, tudo parece caminhar para desdobramento positivo, embora as mudanças venham acontecendo em ritmo menor do que muitos desejariam.

O fato é que existe parcela de mandatários que realiza seu trabalho com calorosa dedicação, despertando esperança nos que desejam e torcem por dias melhores.


Nenhum comentário

Postar um comentário