• Em discurso na Câmara, Vanda Milani destaca esforço dos governos Federal e Estadual contra as queimadas.

Nenhum comentário


Em pronunciamento esta terça-feira, 27, na tribuna da Câmara Federal, a deputada Vanda Milani (SD) lembrou  que as críticas ao Governo Federal em relação às queimadas  não levam em conta que a Amazônia enfrenta fase crítica de seca e baixa unidade relativa do ar ,“o que potencializa a disseminação de incêndios e facilita a prática das queimadas. Some-se ainda a ação de infratores, que se utilizam das queimadas para obter lucro fácil”. Felizmente, disse a deputada, o Governo Federal vem tomando as medidas cabíveis, enquanto o Governo do Acre e seus órgãos responsáveis responderam de forma imediata às emergenciais ambientais.

A parlamentar ressaltou ainda  que o Governo Federal convocou até mesmo instituições como  Força Nacional e Forças Armadas para o combate às chamas. Por seu lado - acrescentou Milani - o Governo do  Acre decretou o Estado de Emergência e solicitou ações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) Ambiental, “que irá assegurar a presença das Forças Armadas no combate às queimadas”. A deputada informou ainda   que o Estado disponibilizou as policias Civil, Militar, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil ,“ e buscou até mesmo auxílio internacional, ao solicitar empréstimo ,ao presidente argentino Maurício Macri, de avião hidrante que integra o sistema nacional de combate ao fogo do país vizinho”.

Soberania

Para  Vanda Milani, o país deverá ser  absolutamente receptivo a toda ajuda internacional, vinda para somar o trabalho conjunto e solidário no combate às chamas. “Mas junto-me aos reiterados alertas do Governo Federal, que não permitirá que o problema ambiental sirva de pretexto para ingerência em assuntos internos e desrespeito á nossa soberania”. A deputada finalizou enfatizando que , “a Amazônia é dos brasileiros, amazônidas  que a custo zero guarnecem nossas matas e fronteiras”.
o     

Nenhum comentário

Postar um comentário