Abertura de concursos federais será endurecida


Concursos federais I  

A abertura de concursos federais será endurecida a partir de decreto editado pelo presidente Jair Bolsonaro. O Texto estabelece 14 requisitos para que um órgão público seja autorizado a fazer uma seleção.

* Entre eles, comprovar que uma solução digital não pode resultar em uma melhor saída ou que as atividades não podem ser desempenhadas por um profissional terceirizado.

Concursos federais II   

Caberá ao ministro Paulo Guedes (Economia) decidir se libera ou não a realização do processo seletivo. Há exceções à regra, como algumas contratações a cargo da Advocacia-Geral da União, da carreira diplomática, da Polícia Federal e de instituições federais de ensino.


Conluio

Os projetos referentes à Segurança Pública e da reforma da Previdência se encontram na Câmara há mais de um mês e andam a passos lentos. No entanto, sob a batuta do presidente Rodrigo Maia, na calada da noite da semana passada, a Câmara aprovou, em poucos minutos, em dois turnos de votação, a PEC que obriga o governo Federal a gastar todas as rubricas do orçamento, sem margem de remanejamentos.
* A matéria foi aprovada quase por unaminidade: 453 x 6 votos. Dá prá perceber o conluio de todos os partidos, direita, esquerda, centro, centrão e baixo clero, inclusive os que apoiam o presidente Bolsonaro.
Avaliação do governo
O texto que os deputados aprovaram preocupa o Planalto porque, entre outras coisas, aumenta as despesas o fato de colocar na Constituição a obrigatoriedade do pagamento das emendas de bancada.
* O governo avalia escalonar o impacto que a PEC terá nas contas da União. Atualmente, o percentual obrigatório das emendas coletivas está fixado em 0,6% da RCL (Receita Corrente Líquida)
Vice-liderança  
 Deputada de primeiro mandato, Mara Rocha foi indicada para a vice-liderança do PSDB na Câmara. Escolhida pelo líder, deputado Carlos Sampaio (SP) a parlamentar acreana tem se destacado por sua participação ativa nas discussões de temas importantes no Plenário e Comissões Temáticas, além da liderança assumida na Bancada Feminina.

Damares em Cruzeiro
Cruzeiro do Sul será a segunda cidade do Acre a receber a visita da ministra da Mulher, Damares Alves. O convite foi feito pela deputada Jéssica Sales durante agenda da ministra em Rio Branco, neste fim de semana.
* “Já estava feliz com a vinda da Ministra a Rio Branco, a convite da Senadora Mailza Gomes, a quem parabenizo pela iniciativa, e agora, mais ainda em ter estendido o convite para a ministra chegar até o Vale do Juruá e conhecer de perto a realidade também daquele povo que apresenta algumas peculiaridades em relação aos demais municípios do Estado, e receber um sim da ministra e de sua equipe, sem dúvida é satisfatório e será uma importante conquista para o Juruá” – palavras da Jéssica Sales.
Frase
“A minha impressão é que há uma negociação para redução da pena, mas também não posso garantir. Jamais alguém vai saber isso de forma completa. Se Batisti tivesse dado essa declaração naquela época, daríamos a extradição” – Ex-ministro Tarso Genro, que deu parecer pela permanência do italiano no Brasil, durante o governo Lula, entre 2007 e 2010, em entrevista ao G1. 




Postagem Anterior Próxima Postagem