Em operação, Polícia Civil prende foragido do Acre em São Paulo

Nenhum comentário
A Polícia Civil do Acre prendeu Marcos Lindozo, vulgo “Dragão”, durante a Operação São Jorge, deflagada neste sábado (1), na cidade de São Paulo. De acordo com a polícia, Lindozo seria o principal chefe de uma organização criminosa que atua no estado acreano.
Lindozo estava foragido da Justiça acreana desde 2017, após fugir de uma escolta prisional. Segundo informações da Polícia Civil, durante o tempo que ficou foragido, o suspeito chegou a adquirir identidade falsa e vivia rotina de luxo em São Paulo, junto com a mulher, Maria Angélica, que também foi presa em flagrante neste sábado.
Além da prisão do foragido e da mulher, a polícia cumpriu mandado de prisão contra Márcia Lindozo, irmã do suspeito, que seria braço direito dele nas ações. Foram apreendidos ainda três tijolos de cocaína, um veículo de luxo, 50 bananas de dinamites e seis documentos de identidade.
A polícia afirmou que desde o ano passado, o foragido enviou armas e financiou ações de organizações criminosas no estado do Acre. Ainda de acordo com a polícia, durante todo o ano de 2018, foram intensificadas as investigações para capturar Lindozo.
Além das prisões, polícia apreendeu drogas, 50 bananas de dinamites, celulares e carro de luxo — Foto: Divulgação/Polícia Civil
fonte  g1.globo.com 


Nenhum comentário

Postar um comentário