Moro diz sim e será ministro da Justiça de Bolsonaro

Nenhum comentário


O juiz federal Sergio Moro aceitou nesta quinta-feira (1º) convite para assumir o Ministério da Justiça do governo de Jair Bolsonaro (PSL). Segundo o vice do presidente eleito, general Hamilton Mourão (PRTB), a primeira abordagem aconteceu há algumas semanas. "Isso já faz tempo, durante a campanha foi feito um contato", afirmou, em conversa nesta quarta-feira (31), no Rio.
De acordo com informações, o responsável por contatar o juiz foi o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes.
Moro desembarcou no Rio de Janeiro no início da manhã, vindo de Curitiba em um voo de carreira e sem seguranças. Por volta das 9h ele chegou à casa de Bolsonaro, na Barra da Tijuca, e o encontro durou cerca de 1h30.
Em entrevista à TV Record logo após o encontro com Moro, o presidente eleito Jair  Bolsonaro disse : “Ele [Moro] está com muita vontade de levar avante sua agenda. Me deixou muito feliz porque uma das coisas que mais afligem a população brasileira é a corrupção, que ele vai atacar”.
Nos próximos dias, Sérgio Moro deve entrar de férias para, só então, dar início ao processo de transição entre o governo Michel Temer (MDB) e Jair Bolsonaro (PSL). “Ele jurou dar a vida pela pátria”, acrescentou o presidente eleito.


Nenhum comentário

Postar um comentário