Polícia prende quarto suspeito envolvido na morte do Dr. Baba com arma roubada de médico

Nenhum comentário
Agentes da Polícia Militar e Civil prenderam na tarde deste domingo, 28, no município de Feijó o quarto suspeito de envolvimento na morte do médico Rosaldo Aguiar, 49 anos, com a arma calibre 38 de propriedade do profissional de saúde que havia sido furtado após o crime. O nome do homem em questão não foi divulgado pelas autoridades policiais. Uma outra arma de calibre 22 também foi encontrada com o suspeito. As autoridades acreditam que nas próximas horas devem chegar ao paradeiro da arma do crime

Horas antes, a polícia já havia detido três pessoas suspeitas de estarem envolvidas no assassinato ocorrido no sábado, 27, que abalou todo o Estado do Acre e mobilizou em peso das as forças da Segurança Pública. Dr. Baba, de 49 anos, foi morto na noite deste sábado, 27, com um tiro de espingarda no peito, em sua chácara batizada por ele mesmo de “Hollywood”, que era considerada um ponto turístico da região.
Um dos suspeitos foi preso menos de uma hora após o crime. Os outros dois foram detidos durante a madrugada em diligências da Polícia pela cidade. Com eles, foram apreendidos celulares que detinham conteúdo com fortes indícios de estarem envolvidos no crime.
A linha principal de investigação da Polícia era de que os bandidos tinham o interesse de roubar a arma de propriedade do médico. O revolver de Baba não foi encontrado com ele e isso reforçava que objeto havia sido subtraído pelos assassinos. Os trabalhos estão sendo comandados pelo delegado Obetânio Santos, responsável por colher o depoimento dos homens detidos.
O corpo de Baba está sendo velado no Clube da Maçonaria, em Tarauacá. Milhares de pessoas acompanham o velório. O enterro deve ocorrer por volta das 17h no Cemitério da cidade. O governador eleito Gladson Cameli esteve no local prestando condolências a família do médico
fonte  ac24horas


Nenhum comentário

Postar um comentário