12 municípios do Acre correm o risco de perder mais de R$ 14 milhões em emendas parlamentares

Nenhum comentário


O Programa Calha Norte, do Ministério da Defesa, pretende cancelar os contratos firmados com os municípios que estão acima do limite de gastos com pessoal.

A medida afeta diretamente os municípios de Acrelândia, Bujarí, Cruzeiro do Sul, Jordão, Mâncio Lima, Manuel Urbano, Marechal Thaumaturgo, Porto Acre, Porto Walter, Rodrigues Alves, Santa Rosa do Purus e Senador Guiomard, totalizando mais de R$ 14,245 milhões em emendas individuais que poderão ser cancelados no próximo mês de dezembro, se mantido o entendimento do Calha Norte.

Para tentar reverter a situação, a bancada do Acre tem audiência agendada para esta quarta feira 31, com o ministro da Defesa, general Joaquim Silva e Luna. O encontro foi solicitado pelo senador Sérgio Petecão, que coordena colegiado, e os senadores e deputados federais do Acre já confirmaram presença.

Veja os valores em reais:   

Acrelândia - 1,2 milhão
Bujarí - 200 mil 
Cruzeiro do Sul - 936,135 mil 
Jordão - 1,1 milhão 
Mâncio Lima - 1,2 milhão 
Manoel Urbano - 1,15 milhão 
Marechal Thaumaturgo 1,45 milhão
Porto Acre - 1,54 milhão
Porto Walter - 1,70 milhão
Rodrigues Alves 1,036 milhão
Santa Rosa do Purus - 250 mil
Senador Guiomard - 2,448 milhões


Nenhum comentário

Postar um comentário