Honda Fit 2019 estreia cor vermelha e mais equipamentos

Nenhum comentário


Talvez alguém da Honda leu nossa matéria com 10 carros que não são vendidos com a cor vermelha no Brasil e sugeriu apresentar o tom Vermelho Vênus Metálico como uma das novidades para a linha 2019 do Fit. Além deste tom, disponível em todas as versões, as luzes de rodagem diurna em LED passam a vir de fábrica desde o modelo mais simples, DX. Elas ficam nos alojamentos dos faróis de neblina no para-choque; só é diferente na versão EXL, onde estas luzes estão dentro dos faróis, de LED.





A cor vermelha se junta aos tons Branco Tafetá (sólido), o Azul Boreal, Prata Platinum e Cinza Barium (metálicas), Branco Estelar e Preto Cristal (perolizados). Outra novidade, para a versão EX, é a adoção da central multimídia que traz conectividade com Apple CarPlay e Android Auto.


Além de usar os aplicativos do celular, a central faz reprodução de músicas via Bluetooth, reconhecimento de voz, e conta com câmera de ré com três ângulos de visão (panorâmica, normal e superior) e linhas de guia, além de variadas opções de regulagem de áudio. Com a nova central, foram adicionados dois tweeters no painel, que se juntam aos quatro alto-falantes.

A versão LX recebe na linha 2019 o rádio com CD player e visor colorido de 5 polegadas (porém insensível ao toque), com Bluetooth, câmera de ré com três ângulos de visão e comandos no volante. Era o mesmo rádio que equipava a versão EX.



Para o ano-modelo 2018, o Fit recebeu uma reestilização que abrangeu frente e traseira, adotando também lanternas com LEDs. Em todas as versões, os controles de tração e estabilidade vêm de série (itens indisponíveis em seus irmãos de projeto City e WR-V), bem como o assistente de partidas em ladeiras. Outros itens de série são: ar-condicionado, direção elétrica, vidros elétricos nas 4 portas, regulagens de altura e profundidade da coluna de direção, além de variados porta-objetos espalhados pelo interior. 

O Honda Fit traz aproveitamento do espaço interno exemplar, com o tanque de combustível na posição central, e o sistema de configuração de bancos Magic Seat a partir da versão LX, possibilitando acomodar objetos longos e altos, além do modo Refresh, onde o encosto dianteiro alinha-se ao assento traseiro.



Toda a linha Fit é equipada com o motor 1.5 i-VTEC FlexOne, com controle eletrônico variável de sincronização e abertura de válvulas. Com etanol, gera 116 cavalos a 6000 rpm e 15,3 kgfm de torque a 4800 rpm – quando abastecido com gasolina, são 115 cv e 15,2 kgfm nas mesmas rotações.

O Honda Fit 2019 manteve suas cinco versões – DX, Personal, LX, EX e EXL. O DX traz câmbio manual, enquanto os demais contam com o câmbio automático continuamente variável CVT, com simulação de sete marchas nas versões EX e EXL.

A linha possui três anos de garantia, sem limite de quilometragem.

Preços
DX: R$ 60 500
Personal: R$ 68 700
LX: R$ 72 800
EX: R$ 78 300
EXL: R$ 83 300



Nenhum comentário

Postar um comentário