Casamento Coletivo será promovido em Cruzeiro do Sul

Nenhum comentário

Casais interessados devem se inscrever, do dia 24 a 27 de setembro, no Centro Cultural do Juruá.

O Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), por meio do Projeto Cidadão, promoverá mais um Casamento Coletivo em Cruzeiro do Sul. Os casais interessados devem se inscrever, do dia 24 a 27 de setembro, das 8h às 16h, no Centro Cultural do Juruá. Todo o procedimento é de forma gratuita.
A cerimônia nupcial será realizada no dia 29 de setembro em local a ser confirmdo. São abertas 500 vagas.
Confira os documentos necessários:
Noivos Solteiros: Certidão de Nascimento original (legível e sem rasura), comprovante de endereço, RG e CPF (original e cópia).
Noivos Divorciados: Certidão de Casamento original com Averbação do Divórcio (legível sem rasura), cópia do processo ou sentença do divórcio (parte referente à partilha de bens), comprovante de endereço, RG e CPF (original e cópia)
Noivos menores de idade (entre 16 a 18 anos incompletos): Certidão de Nascimento original (legível e sem rasura), comprovante de endereço, presença dos pais portando RG e CPF (original e cópia). Em caso de responsáveis falecidos, apresentar Certidão de Óbito. Em caso de pais ausentes, apresentar consentimento por escrito do responsável.
*Certidões devem ser atualizadas.
Projeto Cidadão
O Projeto Cidadão é um trabalho social criado há 22 anos pelo Tribunal de Justiça do Acre, com a finalidade primordial de assegurar à população mais necessitada o direito à documentação básica, como também o acesso rápido e gratuito aos serviços públicos fundamentais, a exemplo de saúde, trabalho e educação, além da área jurídica.
São milhares de quilômetros percorridos pela equipe, sejam em dias chuvosos ou ensolarados, para chegar aos lugares mais distantes da Floresta Amazônica Acreana, a fim de democratizar os serviços públicos e fortalecer o exercício da cidadania.
A ação é desenvolvida por meio da parceria com órgãos federais, estaduais, municipais e não-governamentais e, por conta disso, alcança a quem mais precisa com diversas outras atividades, a exemplo da realização de casamentos coletivos, tudo de forma gratuita.


Nenhum comentário

Postar um comentário