Bancada reitera pedido de intervenção federal no Acre: “Devemos tratar o problema do tamanho que ele se apresenta”

Nenhum comentário

Serviço de inteligência das forças de segurança nacional devem chegar ao Acre na próxima semana para avaliar a situação da violência no estado

Entrevista coletiva ocorreu na tarde desta quinta-feira/Foto: ContilNet


Salomão Matos - A bancada federal composta pelos deputados Flaviano Melo (MDB), Alan Rick (DEM) e Major Rocha (PSDB) além do senador da república Sérgio Petecão (PSB), concederam entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (12), para anunciar os resultados do pedido de intervenção federal no Acre, feito ao presidente Michel Temer, em relação a segurança publica no estado.


Segundo Petecão, o governador Tiao Viana, tem tratado o problema da violência com descaso e total falta de responsabilidade e não reconhece que já perdeu a guerra contra o crime organizado e as facções criminosas que já atuam em todos os municipios do acreanos.

“Devemos tratar o problema do tamanho que esse problema se apresenta. A sociedade num todo está com medo. Aterrorizada. Ninguem esta mais seguro nem em suas próprias casas” desabafou Petecão.

Na coletiva, a bancada acreana garantiu que dentro de alguns dias, equipes de inteligências da segurança nacional devem vir ao Acre para fazer um levantamento da situação e tomar as medidas necessárias a exemplo do que já ocorre no estado do Rio de Janeiro.

Quanto às declarações do governador Tião Viana de que a bancada de oposição ao seu governo em Brasilia só estariam mencionando o problema da segurança pública, agora, nesse momento que antecede o período eleitoral, o deputado federal Alan Rick, disse que Viana falta com a verdade.

“Logo que assumi o meu mandado em janeiro de 2015, a minha primeira reunião foi com o secretário de segurança pública, na época Emylson Farias para tratar da segurança publica no nosso estado.

Somente eu consegui liberar um montante de mais de R $ 8 milhões em emendas destinados para segurança pública. É uma insensatez do nosso governador falar uma asneira dessas. Nós queremos é ajudar o nosso Acre. O nosso povo tá com medo e ninguém aguenta mais essa situação”, lamentou o democrata.


Nenhum comentário

Postar um comentário